Como usar cores nos espaços comerciais

Como já sabemos, as cores causam diferentes sensações e sentimentos em nós e, na maioria das vezes, nem chegamos a perceber. Assim, nos espaços comerciais, podem influenciar no comportamento de funcionários e clientes sendo indispensável o de cores assertivas nestes ambientes, pois elas estão diretamente ligadas à identidade visual da marca, podendo transmitir positividade ou negatividade. Quando bem aplicadas, acabam chamando a atenção e criando uma identidade visual forte e sólida para a empresa.

Mas antes de definir as cores do local ou do logotipo é preciso analisar o perfil da empresa em questão, como ela quer passar a sua imagem para o público em geral. Na minha opinião, as cores têm que ter relação tanto na decoração quanto na arquitetura do espaço, pois influenciará qual é o estilo do estabelecimento. Pensando instituições mais formais, na parte interna onde os colaboradores irão exercer suas funções, o mais recomendado é evitar cores muito saturadas para não interferir de maneira negativa no humor da equipe e no andamento do trabalho. Porém, se o local apresentar grandes dimensões é válido aplicar cores mais fortes pontualmente. Mas, se for uma sala de reunião, os tons mais neutros ou claros são adequados, já que transmitem a sensação de tranquilidade e bem-estar.

Agora, em ambientes descontraídos, as cores podem dar a impressão de um local mais informal de lúdico e mesmo em lugares com essas características, as cores têm que ser bem pensadas para passar a mensagem que a empresa quer. Em locais de vendas de produtos, por exemplo, as cores em volta não podem ofuscar as mercadorias. Mas, tanto em ambientes corporativos ou locais de trabalho mais descolados, elas precisam induzir a produtividade, criatividade, serenidade, contanto que as pessoas fiquem dispersas.

Portanto, a definição da paleta cromática em espaços comerciais vai muito além da estética e estilo, pois influencia diretamente nas vendas, parcerias e na percepção que o grande público tem em relação a marca ou estabelecimento. Por isso, um profissional de arquitetura pode ajudar muito na definição de cores unindo os valores da empresa e a identidade que se deseja transmitir.

Marina Carvalho (@marina.carvalho.arquiteta)

Arquiteta e designer de interiores com MBA pela FGV, atuou no Studio Arthur Casas. Toca escritório com seu nome.

Fale conosco
 loja@pini.com.br(11) 4858-5012

Fundada em 1948, a PINI é uma empresa de informação especializada no atendimento às necessidades dos profissionais e empresas da indústria da construção civil. Atua nas áreas de Mídia, Sistemas, Educação, Informação Estratégica e Consultoria.

Copyright © 2021 PiniWeb. Todos os direitos reservados.